Legião Urbana Uma Outra Estação
Bullet
bullet
bullet
bullet
bullet
bullet
bullet
bullet
bullet
bullet
bullet
bullet
bullet
bullet
bullet
bullet
bullet
bullet
bullet

eXTReMe Tracker
 
LEGIÃO URBANA LANÇA ÚLTIMO INÉDITO

(Folha de São Paulo - 16/06/1997)

(Por Alexandre Loures)

 

·         Disco que será lançado daqui a um mês encerra ciclo que começou em 1978 com a banda punk Aborto Elétrico

·         Esse disco, que é o último sopro criativo da Legião Urbana, acabou de ser finalizado em um estúdio nova-iorquino pelos remanescentes da banda, Dado Villa-Lobos e Marcelo Bonfá.

·         "Foi uma barra terminar um disco sem o Renato, ele é quem centralizava esses trabalhos de finalização, mas acho que o resultado ficou ótimo", afirma Dado.

·         Segundo Dado, as músicas estavam com gravações de primeiro "take", inclusive os vocais de Renato Russo.

·          "Dado Viciado" (tempos do Aborto Elétrico), em versão acústica, com voz e violão, que não fora gravada antes para evitar que o personagem da música fosse confundido com o guitarrista da banda.

·         Outra do fundo do baú é "Marcianos invadem a Terra", também do Aborto, que havia sido gravada no ano passado por Dinho Ouro Preto, ex-vocalista do Capital.

·         "O nosso maior desafio foi fazer com que essas músicas juntas formassem um disco com história própria, com começo, meio e fim, mas conseguimos", afirma Dado.

·         O guitarrista diz: "Quando ouço 'Uma Outra Estação' é como se estivesse ouvindo a história de nossas vidas, desde a época de Brasília até hoje. É o fim de um ciclo".

·         "Apesar de algumas letras serem amargas, o disco ficou bem pra cima, equilibrado", diz Dado.

·         Também foi incluída uma instrumental, tema do filme "Matar ou Morrer", embora a banda já houvesse composto canções sem vocais, como "Central do Brasil", de "Dois", e "Ordem dos Templários", do disco "V".

 

Documentário

A Legião deve ser também tema de um documentário da HBO, que vai focar a música jovem no Brasil a partir dos anos 80.

A idéia, que partiu de Dado Villa-Lobos e Flávio Tambeline, da produtora Ravina, ainda está em fase embrionária, mas deve ser concluída até o final do ano.

Paralelamente a esse projeto, o guitarrista da Legião, por intermédio de sua gravadora, Rock It, pretende produzir um tributo à obra da Legião Urbana, com a participação de artistas convidados.

 

 

Política de Privacidade

Skooter 1998 - 2008